Google+ Followers

sábado, 12 de dezembro de 2015


 A taxa de natalidade muçulmana é muito maior que a taxa de natalidade ocidental e em pouco mais de 3 décadas alguns países europeus como a França, Alemanha, e etc serão considerados países muçulmanos. Isso é preocupante, já que a cultura ocidental está ameaçada e o fanatismo religioso que já é um problema aqui, será substituido  por outro fanatismo caracterizado por ideias arcaicas e insanas.
Muito pode ser feito para evitar o crescimento da população muçulmana no ocidente e uma delas é a política do filho único (só para muçulmanos). 
De origem chinesa, essa política vigorou na China por mais de 30 anos e impediu o crescimento populacional.
A presidente Dilma abriu as fronteiras para os  imigrantes, mas isso, deve ser bem pensado porque ela pode estar transferindo os problemas do oriente médio e do Norte da África para o Brasil e nós já temos muito problemas rs Por conta disso, uma triagem ´seria deve ser feita para impedir que células do terrorismo cheguem no Brasil afinal, casa que acolhe terroristas também é bombardeada.